Sushi Go!

 
 
 
2-5
 
8+
 
15 min
 
Designer: Phil Walker-Harding
Mecânicas: Seleção de Cartas, Administração de cartas, Coleção de Componentes, Seleção Simultânea de Ações

L

ançado em 2013 pela Gamewright, e em 2016 no Brasil pela editora Devir, Sushi Go! é o mais recente jogo de Phil Walker-Harding.

Em Sushi Go!, os jogadores se sentam no balcão de um sushi bar e tentam escolher a melhor combinação de pratos possíveis, para assim obter a maior pontuação no final de três rodadas.

Em cada turno, os jogadores escolhem simultaneamente uma carta de sua mão para pôr em jogo e passam o restante das cartas para o jogador à sua esquerda. Essa ação é repetida até que todas as cartas tenham sido jogadas e a rodada chegue ao fim. Existem diversos tipos de cartas com efeitos e formas de pontuação diferentes, mas todas são contabilizadas e descartadas no final da rodada, com a única exceção sendo o pudim.

Os Nigiris te dão pontos garantidos, os Sashimis e tempuras só pontuam mediante a uma quantidade certa e os Gyozas pontuam em progressão relativa a quantidade final deles. Outras cartas, como o Hashi e o Wasabi possuem efeitos especiais que permitem baixar uma segunda carta ou triplicar o valor dos já garantidos Nigiris.

Como via de regra, a sobremesa só é consumida após a refeição, logo todos os pudins colecionados desde a primeira rodada são contabilizados apenas no final do jogo. Os jogadores que mais possuírem pudins receberão seis pontos (divididos no caso de empate), enquanto os jogadores com a menor quantidade receberão uma penalidade de seis pontos.

Após o final da terceira rodada e da contagem dos pudins, o jogador com a maior quantidade de pontos é declarado vencedor.