Unfairy

 
 
 
2-4
 
10+
 
60 min
 
Designer: Guilherme Marques
Mecânicas: Rolagem de dados, Toma Essa, Poderes Distintos, Negociação
Unfairy é um card game nacional produzido pela Game Maker. Nele, os jogadores vivem em um mundo de contos de fadas e assumem o papel de um personagem desconhecido tentando se tornar famoso. Para isso, eles deverão realizar buscas, coletar relíquias e utilizar os seus poderes para atrapalhar os adversários e vencer um dos desafios finais.

Na preparação de Unfairy cada jogador recebe 5 cristais aleatórios, uma carta de personagem com poderes distintos e 1 carta de característica negativa, representando o defeito de seu personagem. Além disso, são dispostas no centro da mesa as cartas de desafio por tipo ao lado do tabuleiro de desafios finais. O objetivo do jogo é ser o primeiro jogador a ser bem sucedido em um dos três desafios finais e, para isso, ele deverá coletar relíquias vencendo encontros e utilizando seus cristais ativar suas relíquias e fortalecer seu personagem temporariamente.

Cara turno é dividido em 5 fases: Característica, Ação, Encontro, Descarte e Compra.  O jogador da vez inicia seu turno na fase de Característica e rola o dado de 10 faces e tenta rolar um número que seja maior que o valor de sua característica. Caso o resultado seja igual ou menor, o efeito negativo de sua característica será realizado. Na segunda fase, o jogador poderá usar habilidades de personagem e de relíquias, equipar cristais nas suas relíquias e trocar cristais com os demais participantes. Para usar uma relíquia adquirida em Encontros de turnos passados, os jogadores terão 2 opções: eles podem preencher a parte inferior com os cristais adequados ou preenchendo o custo menor na parte superior da carta: preenchendo a parte inferior, os jogadores terão usos ilimitados daquela relíquia desde que mantenham todos os espaços preenchidos com os cristais adequados, mas se optarem pelo custo superior, o cristal usado é descartado automaticamente e a relíquia será ativada apenas uma vez. Ainda na fase de Ação, os jogadores poderão utilizar seus cristais negros. Ao contrário dos cristais comuns, os cristais negros tem o poder de bloquear um espaço de relíquia de outro oponente para impedir sua ativação. Os jogadores podem destruir cristais negros que foram colocados em suas relíquias ao gastar um cristal do tipo mostrado no espaço bloqueado, liberando aquele espaço para poder reativar suas relíquias.

Na terceira fase, os jogadores irão escolher um dos encontros para enfrentar. Eles deverão escolher qual atributo utilizarão naquele desafio e, se desejarem, gastar um ou mais cristais daquele tipo para fortalecer o seu personagem em 1 ponto até o final do turno para cada cristal descartado. O jogador então rola o dado, soma os bônus dos cristais gasto e/ou outros bônus diversos e compara o resultado ao nível do atributo da carta de encontro escolhida: caso o resultado seja igual ou maior, o jogador foi bem sucedido e coloca a carta com o lado de relíquia com a face voltara para cima à sua frente. Desde que mantenha a carta de relíquia sob seu controle, ela poderá ser ativada para usar sua habilidade e, além disso, passará a conceder um bônus passivo a todas as rolagens de desafios seguintes. No final do turno, nas fases de Descarte e Compra, o jogador da vez pode descartar quantos cristais desejar da sua reserva e comprar novos cristais até ficar com um total de 5.

 

Quando um dos jogadores é bem sucedido em um dos desafios finais ele será considerado o vencedor.